Uma celebração de amor e amizade

casamiguxo1

Adoro contar histórias.

Adoro contar histórias de amor.

Porque acredito no amor.

Acredito também na amizade. Por isso, para mim, hoje é um dia muito feliz.

A Capela foi, originalmente, construída pelo seu Osório para celebrar o amor por dona Lúcia, como registra uma plaquinha de ferro colocada na frente do átrio. O ano 1995. A inauguração, com pompa, foi feita por Monsenhor Sadoc, um dos padres mais queridos da Bahia.

Foi pela reforma da Capela também que eu e minha sócia, Nil Pereira, iniciamos o nosso sonho de criar uma pousada, o nosso e o vosso paraíso particular.

E a trama do amor começou a ser tecida, aqui, ali e acolá.

Amar, verbo intransitivo, é um exercício diário de aceitar e compartilhar com o outro. De trocar. De ganhar. De perder. De ser feliz e triste ao lado de alguém que um dia se tornou a luz dos nossos olhos.

 

No caso de Flavio e Gabriel, a história começou com um sanduíche de atum. Isso mesmo, na lanchonete Água na Boca, eles se viram pela primeira vez. Flávio era o proprietário. Gabriel o cliente. Flávio diz que Gabriel já o paquerava. Gabriel jura que não. Do sanduíche na avenida Tancredo Neves para esse encontro de amor e amizade nesta Capela, na praia do Piruí, em Arembepe, Bahia, passaram-se alguns anos.

A primeira ficada aconteceu em 3 de agosto de 2012. Flávio é craque nas datas. Como Chico, meu filho, que lembra de vê-los juntos pela primeira vez em 14 de setembro de 2012 por na lanchonete América em São Paulo. Comeram um delicioso hambúrguer.

chico

No dia 3 de agosto, data da primeira vez, vale dizer, a história não foi boa. Flavio pisou na jaca e exagerou no tom. Gabriel não gostou. Achou ele um porre. Jurou nunca mais vê-lo. Mas a lembrança dos tempos do sanduíche de atum pode ter ajudado. Dois dias depois, à convite de amigos comuns, foram jantar no Outback do shopping Barra. A picanha estava ótima. O chope também. Desde então, nunca mais se separaram. Vivem colados, mas com respeito e restrição. Explico. Depois da viagem à Europa, neste ano, descobriram que tudo tem prazo de validade. Inclusive a convivência. 15 dias viajando sozinhos é o máximo de tempo possível e cabível para serem felizes para sempre.

Foi com essa intenção que no dia 10 de agosto de 2012, Flavio pediu Gabriel em namoro. Depois de pensar durante uma semana, Gabriel disse sim. No Natal do mesmo ano, passaram a usar aliança. Essa que hoje trocará de mão na capela da Pousada A Capela, obra-prima de Gabriel e Luiz Claudio, nossos arquitetos, nossos amigos.

Eita mundo bom. Eita mundo pequeno. Em janeiro de 2011, contratamos escritório de Luis Claudio Souza e Gabriel Magalhães para fazer o projeto e a obra de retrofit e construção da pousada A Capela. Desde então, nunca mais nos separamos também. O trabalho misturou-se com a amizade. Muitas farras, muitos projetos e seguimos juntos nesta vida com e sem crachá.

Por isso, nada mais natural que em 18 de agosto de 2012, Gabriel e Flávio viessem juntos, pela primeira vez, à pousada como um par. E nós não mais nos separássemos deles também. Flávio é produtor musical. Trabalhava com uma cantora que por coincidência era nossa parceira em um projeto do carnaval da Bahia. Mais conexão, mais amizade.

Graças as coincidências e ao afeto, ambos teceram uma trama feita de amor e muita, muita amizade. Os xurubebas, nome carinhoso que estamparam nas alianças, viraram os miguxos do nosso grupo. Eles fazem parte, desde aquele dia de agosto, da família da Nil, da Claudia, do Chico, do Tiago, do Di, da Sofia, da Renata, da Kazan, da Furini, do Mau, da Sushi, do Sashimi, da Mari e do Bel, do Sergio, da Cata, da Vilar e do Pão de Queijo, da Chiquinha que não puderam vir e da Fernanda Santos que, para variar, vazou antes da festa começar.

As famílias de Gabi e Flávio, Aloisio e Tania e Nerinho e Solange, que nos perdoem, mas formamos um segundo clã. E o que nos une é o amor. O mesmo amor que hoje será celebrado por esses dois jovens que desde que se uniram fazem um exercício lindo e cotidiano de complementariedade e diversidade. Gabi é discreto e reservado. Flavio é exuberante e engraçado. Um adiciona o outro em novos contextos. Um apoia o outro em inúmeras situações. Foi assim quando Flavio perdeu o emprego. É assim quando Gabriel precisa de incentivo para buscar novos clientes. Vivem juntos. Tem sua casa, seus sonhos e um projeto de vida que só está começando.

 

Essa celebração começou a ser imaginada numa grande farra no Rio de Janeiro, quando todos fomos para o casamento da Jeane e da Fabiana. Na pizzaria Caprichosa, imaginamos como seria o casório dos Miguxos. Claro que foi tudo diferente. Ontem na praia, numa piscina de água quente, inundada de caipirinha, provoquei: “por que vocês não casam aqui, amanhã?”

Foi o que bastou. Sem pompa, nem circunstância, mas cercados de muito amor e de novos amigos, como o Edson, o Douglas, a Pipi, o Marcelo e a Ilária, a Silvinha e o Fabio, estamos aqui para festejar essa história de amor que está começando e que, vale dizer, não tem fim. Porque o amor não acaba. Ele pode até mudar de endereço e ficar numa posta restante, milênios, milênios no ar. Mas a minha falação precisa terminar porque vocês agora precisam trocar alianças e fazer e refazer suas próprias juras de amor.

Antes, porém, alguém aqui presente tem algo a declarar?

Não?

Então, Gabriel Magalhães, sem tempo para pensar, você aceita Flavio Dultra como seu companheiro de uma vida?

– Sim.

E você, Flavio Dultra, aceita Gabriel Magalhães como seu companheiro de uma vida?

– Sim.

O que dizer depois disso?

Que a paz, a luz e o axé divino estejam convosco, conosco para todo o sempre.

E bora, celebrar.

Com amor.

 

casa2

 

 

 

Anúncios

6 comentários sobre “Uma celebração de amor e amizade

  1. Muito bonita essa historia coral, a deles, a deles com você, a de você com eles e a beleza da vida que segue se rumo com pessoas que fazem esse caminho uma historia que vale a pena de ser contada. Felicidades para todos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s